(48) 9 9999-6561 Whatsapp

Mantida forma de disputa do Catarinense Série A para 2019

31/10/2018 às 19h27 - Atualizado em 31/10/2018 às 19h35

Por Éder Trindade

 

O Campeonato Catarinense Série A 2019 iniciará no dia 16 de janeiro e será disputado na mesma forma da edição de 2018, no sistema de pontos corridos em turno, returno e final única. A definição aconteceu na tarde desta 4ª feira (31), quando a diretoria da Federação Catarinense de Futebol e os representantes dos clubes participantes estiveram reunidos na sede da Entidade, em Balneário Camboriú, na reunião do conselho técnico. Por força da Lei 13.671, o Estatuto de Defesa do Torcedor, a competição manteve a mesma forma de disputa deste ano. A Federação Catarinense de Futebol através do Departamento de Competições Principais apresentou a competição no sistema de pontos corridos em duas fases: 1ª Fase – Turno e Returno e 2ª Fase – Final.

O Conselho Técnico decidiu ainda que há a possibilidade de uma segunda hipótese para forma de disputa, com a inserção dos confrontos semifinais, caso a Confederação Brasileira de Futebol disponibilize uma vigésima data. Com a inserção das semifinais, os quatro primeiros colocados na soma duas primeira fases estarão classificados.

A equipe 1ª colocada da 1ª Fase – Turno e Returno será mandante da partida final. Em caso de realização também das semifinais, será em partidas únicas e terá como mandantes os dois primeiros colocados. O 1º colocado enfrentará o 4º colocado, enquanto o 2º colocado receberá o 3º colocado.

Independentemente das hipóteses, se houver empate ao término das partidas de confronto eliminatório (semifinais e final) a definição do campeão, ou dos finalistas, será através da cobrança de penalidades.

Acesso e descenso
Os clubes membros do conselho técnico propuseram uma alteração no regulamento da competição relacionada ao número de equipes que ascendem e que serão rebaixadas já na edição de 2019. A FCF já encaminhou consulta ao Ministério dos Esportes para solicitar o pleito e a definição precisa acontecer até o dia 16 de novembro, data limite para homologação da competição.

Compuseram a mesa dos trabalhos da reunião do conselho técnico, o presidente da FCF Rubens Renato Angelotti, o procurador jurídico, Rodrigo Goeldner Capella, o diretor de competições principais, Fábio Nogueira, o diretor de competições especiais, Carlos Crispim e o diretor do departamento de arbitragem, Marco Antônio Martins. Além dos clubes membros do conselho técnico, também participou da reunião o presidente do Sindicato dos Atletas Profissionais do Estado de Santa Catarina – SAPFESC, Marcelo Alexandre da Silva Cruz.

FCF

Disponível na Appstore Disponível no Google Play

Ouça no seu smartphone

© Copyright 2005-2019 - Rádio Vale - Todos os direitos reservados