(48) 9 9999-6561 Whatsapp

Homem desaparecido havia mais de quatro décadas é reencontrado após sofrer acidente

08/01/2019 às 08h19 - Atualizado em 08/01/2019 às 13h09

Por Paulinho K

 A família de Nelson Leduino Machado, 68 anos, viajará ao encontro dele nesta terça-feira (8). Ele estava desaparecido há 43 anos e foi localizado após um grave acidente na cidade de Caldas Novas, em Goiás. Ele está hospitalizado e o estado de saúde é considerado grave. Nelson saiu de casa, em Paulo Lopes, na Grande Florianópolis, ainda jovem. Ele pegou carona com amigos caminhoneiros e foi parar em Goiás, onde trabalhava como peão de fazendas da região.

A vida seguia tranquila até ele ser atropelado no sábado (5). Com ajuda da neta de um amigo e uma corrente nas redes sociais, familiares foram localizados em Florianópolis. Deni, irmão dele, viaja em busca de um reencontro esperado há mais de quatro décadas. Ele foi embora por não ter uma boa relaçaõ com os pais. Nelson está internado em Goiania.

Entenda o caso

Um idoso de Santa Catarina foi localizado, em Goiás, pela família após 43 anos de buscas. Nelson Leduino Machado, 68 anos, é natural de Paulo Lopes, na Grande Florianópolis. Ele foi encontrado com ajuda da neta de um amigo na cidade de Caldas Novas, Goiás. Núbia Christina procurou o site Visor Notícias após Nelson sofrer um acidente no sábado (5). Como ela só tinha o documento de identidade do idoso, solicitou a produção de uma reportagem alertando que precisava localizar algum familiar para o acompanhamento no período de internação.

A publicação atingiu mais de 400 compartilhamentos em poucas horas na tarde deste domingo. No começo da noite a postagem chegou até a família dele, em Florianópolis. Um irmão dele, Deni Josefa Machado, recebeu a notícia pelo grupo da família no WattsApp. Ele já entrou em contato com o hospital. Devido ao estado de saúde, Nelson precisou ser transferido para um hospital de Goiânia.

De acordo com a sobrinha dele, Jamile Maria Machado, os familiares já estão viabilizando a ida para Goiás. "Encerramos uma busca de 43 anos. Estamos muito felizes. Amanhã vamos ligar novamente no hospital e meus pais já estão providenciando para ir ao encontro dele", comemorou Jamile, que já fez contato também com Núbia, em Goiás, para agradecer a mobilização.

Fonte: Visor Notícias/ Foto: Reprodução

Disponível na Appstore Disponível no Google Play

Ouça no seu smartphone

© Copyright 2005-2019 - Rádio Vale - Todos os direitos reservados