(48) 9 9999-6561 Whatsapp

Deputado reúne 20 assinaturas para propor a CPI da Ponte Hercílio Luz na Alesc

06/02/2019 às 06h47 - Atualizado em 06/02/2019 às 06h50

Por Paulinho K

 O deputado Bruno Souza (PSB) somou nesta terça-feira 20 assinaturas entre os parlamentares na Assembleia Legislativa de Santa Catarina para propor a abertura da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Ponte Hercílio Luz. A intenção é apurar eventuais irregularidades no histórico das obras de recuperação da ponte.

Seriam necessárias apenas 14 assinaturas, mas as 20 manifestações correspondem à metade de toda a legislatura. O deputado pretende protocolar nesta quarta-feira o pedido de CPI à presidência da casa.
—Espero que todos tenham o pensamento republicano, possam agir com o interesse de explicar a situação. Uma ponte construída em poucos anos na década de 1920 e agora precisa de mais 30 anos para a obra ser entregue. Os deputados têm que dar uma resposta — cobra.
Questionado sobre a mobilização, o governador Carlos Moisés da Silva (PSL) garantiu que as ações de transparência são uma prerrogativa da nova gestão.

—Também temos todo o interesse de saber o que aconteceu, o que acontece. E no nosso governo daremos toda a transparência ao que acontecer nesta obra daqui para frente — anunciou.

Outra CPI especulada nos corredores da Alesc diz respeito à cobrança de luz nas faturas lançadas pela Celesc. Como o caso é acompanhado pelo Ministério Público, uma tendência é de que os parlamentares apenas repercutam o que for apurado pelo MP-SC.

Por Roelton Maciel/ Foto: Diorgenes Pandini/Diário Catarinense

Disponível na Appstore Disponível no Google Play

Ouça no seu smartphone

© Copyright 2005-2019 - Rádio Vale - Todos os direitos reservados